Acordei e saí assim: Que digam, que pensem, que falem. Tô nem aí. Tô nem aí…Tô nem aí.

Por: Lima Sousa – Fotos: Anderson Rocha

Acordei e saí assim, sem me importar com o que os outros vão pensar ou falar de mim.DFB 2016-44

Que digam, que pensem e que falem o que quiser. Levo a vida como Deus quer e sigo cantando e cantando sem parar!  É isso que é a vida.  

É bonita, é bonita e é bonita…             

O mundo tem sempre algo de bom e ruim a dizer de nós. Algumas vezes vão te lançar pedras no caminho. Que lancem! Transforme as pedras em flores e caminhe sem parar. O que vale é seguir em frente e sem demora pra chegar.

Já dizia a música de Geraldo Vandré: “Vem, vamos embora, que esperar não é saber, quem sabe faz a hora, não espera acontecer”.

Não espere as pedras, também não conte com as flores e muito menos com os espinhos; a vida já tem alfinetes demais pra espetar.

Deixe que o vento leve embora as arestas do tempo e esqueça. O melhor está a caminho; o seu destino uma hora vai acontecer.

Afinal, o mundo não paga as suas contas e muito menos nos aplaude de pé. Deixa Isso Pra Lá!

“Deixa isso pra lá, vem pra cá, o que que tem? Eu não to fazendo nada, você também, faz mal bater um papo assim gostoso com alguém?”, cantou um dia Jair Rodrigues na letra.DFB 2016-11

Cante, cante e cante. E aí, o que que tem? Quem canta seus males espanta.

Cantar pra aliviar a alma, gozar a vida e o que ela tem de melhor. Faz bem ao coração. A gente merece e tem direito de aproveitar o bom da vida.

É o seu sorriso no rosto que espanta a multidão. Por isso, jamais deixe o tempo nublar. Na praça da vida as alegrias são as únicas sementes que você vai levar. 

Acontece, muitas vezes, que andamos na corda bamba e nos vemos sem saída.

É mentira, é mentira que pau que nasce torto nunca se endireita. Não caia nessa, é furada! O que muita gente quer é nos ver na lama.

Não der o braço a torcer e não se der por vencido.

Também, já dizia o ditado popular, – quem rir por último, rir melhor. Deixa estar; que te aguardem!DFB 2016-8

A vida é ligeira e não demora pra acabar. Quando menos se espera não dá tempo de dizer adeus, por isso, não ande distraído pensando que o acaso vai lhe proteger.

“Vigiai e orai” – Cristo já dizia também há muito tempo atrás. “Sintonize sua vibração, não há tempo pra viver em vão” – Natiruts conclui o pensamento.

Acordei e saí assim, crente mais em mim e descrente das mentiras alheias. O mundo só inventa e aumenta minha sorte, do meu modo de ser, do meu jeito de crer.  E agora, José? José, e agora? 

Sabe lá, o porquê.. porquês  e porquês…

Vai entender essa gente descrente que demora e faz hora perder. Na certa, a minha vida tem muito a render.

Foto: Acervo pessoal - Look ATTOFAVO
Foto: Acervo pessoal – Look ATTOFAVO

Pois que digam, que pensem, que falem. Nada tenho a perder!  

Eu só acordei e saí – assim, pensando que vale mais acreditar no que sou com todas as letras. E ponto final.

Que digam, que pensem, que falem.

Agora, ‘aceitei os meus erros, me reinventei e virei a página,
Agora , eu tô em outra’…

Tô nem aí. Tô nem aí… Tô nem aí.

Agora, eu sou mais Eu!

Ó…

Revisado por: Juliana Nascimento – (Olhos de Lince) / Agradecimentos: Fotógrafo: Anderson Rocha/ Bruno Olly – ATTOFAVO/ Vinyle Café: Rua Waldery Uchôa, 42 – Benfica, Fortaleza – CE